Ariquemes Notícias - Seu portal de notícias Ariquemes, Rondônia - 19 de Janeiro de 2019

Siga!

Nosso RSS

Mais de 700 ocorrências de estupros são registradas no Estado em 2018

Número representa aumento de 5,6% em comparação com o mesmo período do ano passado.

g1ro, 16/11/2018 11h11

ilustração (Foto: Reprodução) Ampliar imagem: ilustração (Foto: Reprodução)
ilustração - Foto: Reprodução

Polícia Civil informa que denunciar é importante para diminuir índice.

Mais de 700 ocorrências de estupro foram registradas de janeiro a setembro em Rondônia. Segundo dados da Secretaria de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), o número representa aumento de 5,6% em comparação com o mesmo período do ano passado, que fechou com 699 casos.

Três municípios se destacaram de forma negativa no levantamento da Sesdec. Em Presidente Médici, por exemplo, dois casos foram registrados entre janeiro e setembro de 2017. Em 2018, o número subiu para oito, configurando aumento de 300%.

Itapuã do Oeste fechou o período com crescimento de 133%. Já a capital Porto Velho contabilizou aumento de mais de 20% no número de casos de estupro.

Apesar disso, a delegada Janaina Xander Wesse, da Polícia Civil, informou que o quantitativo de registros é ainda maior graças a cifra negra – porcentagem de crimes não solucionados ou punidos.

"Temos uma grande quantidade do que chamamos de 'cifra negra'. Ou seja, é quando a vítima tem vergonha, medo ou sofre alguma ameaça e acaba não denunciando. Pode ser ainda que ela não ache que foi vítima de um crime sexual", explicou a delegada.

A delegada ressalta ainda que a denúncia contribui significativamente com as investigações, bem como para a redução do índice. "É muito importante também para a responsabilização de cada um que pratica esse tipo de ato de crime sexual", concluiu.


Segundo a psicóloga Eva Viviani Cecanho, o trauma é imensurável e as vítimas chegam nas consultas bastante fragilizadas. "É o que chamamos de casco emocional. O tempo de terapia é muito singular. Tem pessoas que ficam meses no processo psicoterápico, anos ou a vida toda", disse.

Tópicos: Estupro
Compartilhe está noticia:       
 
 
Enviar comentário

(A quantidade máxima é de 400 caracteres para seu comentário) Restam 400 caracteres

Ao enviar seu comentário você aceita o termo de conduta dos comentários.

 

Ariquemes Notícias - Seu portal de notícias Ariquemes Notícias - Seu portal de notícias
E-mail: recadao@ariquemesnoticias.com.br - contato@ariquemesnoticias.com.br voltar ao topo

 

© Copyright 2009 | 2019 - DC Comunicações Digital Política de privacidade Fale conosco  |   Anuncie conosco  |