Ariquemes Notícias - Seu portal de notícias Ariquemes, Rondônia - 21 de Julho de 2017

Siga!

Nosso RSS

Semana nacional de incentivo a doação de medula óssea inicia amanhã

rondoniaovivo, 17/12/2012 00h23

 (Foto: ) Ampliar imagem:  (Foto: )
Foto:

De 14 a 21 de dezembro acontece em todo o país a “Semana de Incentivo a Doação de Medula Óssea,” criada com a finalidade de incentivar a população a se cadastrar no Registro de Doadores de Medula Óssea (REDOME). Em Rondônia, a ONG Amigo do Transplante de Medula Óssea (ATMO) é a responsável por abordar e fazer campanhas de conscientização em Porto Velho.
O trabalho de sensibilização da ATMO envolve palestras de conscientização sobre a doação de medula e coleta de sangue para cadastro tudo com o objetivo de estimular a doação consciente. “Aqueles voluntário devem ter em mente que a qualquer tempo podem ser chamados para salvar uma vida. O nosso objetivo é fazê-los entender essa responsabilidade quando fazem o cadastro e doam a amostra de sangue”, explica Lindberg Oliveira, coordenador do núcleo da ATMO em Porto Velho. Desde agosto deste ano, a ATMO realiza várias palestras e acompanha o trabalho de coletas, tanto na Fundação Hemeron como nos mais diversos órgãos públicos, autarquias, igrejas, faculdades, entre outros.

“A maior dificuldade para quem está na fila de espera pela medula óssea é achar um doador que tenha as células compatíveis com as suas. A primeira busca que se faz é entre os familiares, quando não existe compatibilidade entre estes a busca é feita no REDOME e a chance de encontrar um doador compatível é de uma em cem mil”, complementa o coordenador.

A campanha, que acontece anualmente, se deu a partir da “Lei Pietro”, projeto instaurado pelo deputado federal Beto Albuquerque, em homenagem ao filho, que faleceu devido a uma leucemia. A lei é a esperança de milhares de pessoas que procuram doadores de medula, já que a busca por doador compatível é difícil e o transplante é a única chance de cura para a leucemia.

Para doar é preciso ter entre 18 e 54 anos de idade, não ter doença infecciosa ou incapacitante. O cadastramento e a doação, quando existe a compatibilidade, independem do peso ou do tipo sanguíneo. Diabéticos, pessoas com tatuagem, quem já teve hepatite, mulheres grávidas e hipertensos podem se cadastrar. Nada impede a doação quando existe a compatibilidade. As pessoas que quiserem se cadastrar para doar, podem se dirigir ao Fhemeron de Porto Velho e nas demais unidades do interior.

O cadastro é feito com uma pequena retirada de sangue (5ml) por sua veia e ao preencher uma ficha com informações pessoais (identidade, endereço, telefone).

Tópicos:
Compartilhe está noticia:       
 
 
Enviar comentário

(A quantidade máxima é de 400 caracteres para seu comentário) Restam 400 caracteres

Ao enviar seu comentário você aceita o termo de conduta dos comentários.

 

Eventos

Expoari: Guilherme e Santiago - Foto: Leandro Kazuo

Expoari: Guilherme e Santiago

Guilherme e Santiago
 

Últimas notícias

Enquete

Na sua opinião, como está a Administração de Confúcio Moura em Rondônia?

 

Ariquemes Notícias - Seu portal de notícias Ariquemes Notícias - Seu portal de notícias
E-mail: recadao@ariquemesnoticias.com.br - contato@ariquemesnoticias.com.br voltar ao topo

 

© Copyright 2009 | 2017 - DC Comunicações Digital Política de privacidade Fale conosco  |   Anuncie conosco  |