Ariquemes Notícias - Seu portal de notícias Ariquemes, Rondônia - 22 de Julho de 2017

Siga!

Nosso RSS

Consumidor deve ficar atento se o preço da etiqueta é o mesmo no caixa, orienta PROCON RO.

Rui Costa, 30/08/2011 09h59

 (Foto: ) Ampliar imagem:  (Foto: )
Foto:

Nas inúmeras visitas realizadas pelo PROCON RO aos estabelecimentos
comercias, fácil observar que nem todo consumidor confere se o preço de
um produto no caixa é igual ao cobrado na prateleira. Ocasionando assim um
desastre ao bolso dos consumidores desatentos.

Fácil notar que essa diferença de preço entre a prateleira e o terminal do caixa
se da por varias razoes, pode ser por erro de remarcação, erro de informação
a pessoa responsável, má fé do empregado descontente e ma fé do próprio
estabelecimento comercial, que na maioria das vezes se aproveitam da falta de
atenção do consumidor.
Nos casos de desencontros de preço ou quando há duvida no preço da
mercadoria, o Código de Defesa do Consumidor diz que vale sempre o menor
valor. Casos assim são freqüentes principalmente em supermercados.

Se o preço está marcado errado, o problema é da loja. O preço deve estar
acessível ao consumidor. Não cabe a ele ficar interpretando informação. 'Ele
não é obrigado a ficar conferindo minúcias, número de série do produto,
número de código de barras, letras miúdas, qualquer informação que
não seja prestada de forma clara pelo fornecedor', garante Rui Costa,
coordenador do PROCON Rondônia.

O PROCON-RO tem realizado fiscalização de conscientização em
estabelecimentos comerciais a respeito desse problema como também de
outros, notificando os fornecedores para que se adéqüem a legislação, e a
partir de outubro as fiscalizações deixam de ser educativas e passam a ter
caráter punitivo, ou seja, aplicação de multas e ate interdições se for o caso,
claro tudo dentro da legislação, ou seja, respeitando o principio da legalidade e
da ampla defesa.

Assim o PROCON chama atenção aos consumidores para que fiquem atentos
quando forem as compras
Para não serem lesados pela falta de atenção.

Lembrando que ao se deparar com problemas dessa natureza, o primeiro
passo a ser adotado é dialogar com à gerencia e resolver de forma amigável,
tendo êxito ou não segundo passo é informar o PROCON sobre o problema e
qual estabelecimento, para que o mesmo possa averiguar.
Consumidor faça valer os seus direitos, reclame, argumente e denuncie, o
balcão PROCON de atendimento ao consumidor esta localizado shopping
Cidadão em Porto Velho (32161026) ou (151) e se for o caso nas demais
regionais situadas em Rolim de moura (69- 34429016), ji-paraná (34238833-
34234564), Ariquemes (69-35361128) e Vilhena (69-33224941) .

Tópicos:
Compartilhe está noticia:       
 
 
Enviar comentário

(A quantidade máxima é de 400 caracteres para seu comentário) Restam 400 caracteres

Ao enviar seu comentário você aceita o termo de conduta dos comentários.

 

Eventos

Expoari: Guilherme e Santiago - Foto: Leandro Kazuo

Expoari: Guilherme e Santiago

Guilherme e Santiago
 

Últimas notícias

Enquete

Na sua opinião, como está a Administração de Confúcio Moura em Rondônia?

 

Ariquemes Notícias - Seu portal de notícias Ariquemes Notícias - Seu portal de notícias
E-mail: recadao@ariquemesnoticias.com.br - contato@ariquemesnoticias.com.br voltar ao topo

 

© Copyright 2009 | 2017 - DC Comunicações Digital Política de privacidade Fale conosco  |   Anuncie conosco  |