Ariquemes Notícias - Seu portal de notícias Ariquemes, Rondônia - 21 de Novembro de 2017

Siga!

Nosso RSS

Produtores denunciam descaso na região de Rio Pardo

Alguns moradores, já estiveram em reunião com o senador Ivo Cassol em busca de ajuda para o problema

Rondônia Vip, 07/08/2011 19h43

 (Foto: Reprodução) Ampliar imagem:  (Foto: Reprodução)
Foto: Reprodução

No início deste mês, a Sr ROSALINA AZEVEDO, que faz parte da Comissão da Associação de Pequenos e Médios Agricultores do Projeto RIO PARDO, procurou a imprensa a fim de relatar fatos que tem acontecido no Projeto trazendo muitos transtornos e problemas aos sitiantes daquela área. Há dois anos foi feito uma permuta entre o Governo Federal e Governo do Estado para o assentamento de mais de mil famílias e as coisas não estão acontecendo como combinado; foram cadastradas na SEAGRI, 234 famílias, sendo que 154 delas estão nas suas respectivas áreas há mais de 10 Anos lutando pelo direito de igualdade. Alguns moradores do Projeto, já estiveram em reunião com o Senador IVO CASSOL em busca de ajuda para solucionar o problema das famílias que residem naquela área.

O cadastramento da área pela SEAGRI (Secretaria da Agricultura) ocorreu em 21/09/2009 conforme Documento feito e carimbado pelo Assistente Técnico WEUDSON CABRAL DE FRANÇA, ao Sr ONOFRE MACEDO que também é residente no Projeto na linha 17 continuação da 67, km 51; o mesmo, reside numa propriedade de 680 hectares devidamente documentada em Sindicato e Associação e paga o ITR de 400 hectares à 11 anos, sendo 100 hectares com benfeitorias, casa, poço e plantações. Os moradores do Projeto querem uma solução para o problema através das autoridades competentes, pois não são invasores, uma prova disto é que todas as famílias estão cadastradas na SEAGRI.

O Instituto Chico Mendes (ICMBio) está com uma base montada em uma residência dentro da área, a qual foi tomada a força de um dos moradores, tendo que se retirar para evitar problemas maiores. Em um destes conflitos, a mais ou menos dois anos, o ICMBio com o apoio da FORÇA NACIONAL, em perseguição a um dos moradores da área, Sr Edvandro, conhecido como “DANDA”, se envolveu em um acidente e hoje se encontra em uma cadeira de rodas. Esta base do ICMBio impede os moradores de exercer qualquer tipo de atividade em suas terras, com ameaças, agressões as famílias, casas já foram derrubadas, cercas arrancadas, lavouras já foram queimadas, até cápsulas de arma .40 foram encontradas por moradores, o que se entende que são de uso de civis do ICMBio.

As famílias estão apavoradas com a situação, já são dois anos sem poderem trabalhar em suas terras, até necessidade já tem passado, e querem que as autoridades competentes entrem em acordo para que essa situação chegue ao fim. Os moradores do Projeto querem apenas justiça, o direito de igualdade, permanecer com a posse de seus lotes e usufruir de suas benfeitorias; viver em suas respectivas áreas com liberdade de ir e vir.

Tópicos:
Compartilhe está noticia:       
 
 
Enviar comentário

(A quantidade máxima é de 400 caracteres para seu comentário) Restam 400 caracteres

Ao enviar seu comentário você aceita o termo de conduta dos comentários.

 

Eventos

Expoari: Guilherme e Santiago - Foto: Leandro Kazuo

Expoari: Guilherme e Santiago

Guilherme e Santiago
 

Últimas notícias

Enquete

Na sua opinião, como está a Administração de Confúcio Moura em Rondônia?

 

Ariquemes Notícias - Seu portal de notícias Ariquemes Notícias - Seu portal de notícias
E-mail: recadao@ariquemesnoticias.com.br - contato@ariquemesnoticias.com.br voltar ao topo

 

© Copyright 2009 | 2017 - DC Comunicações Digital Política de privacidade Fale conosco  |   Anuncie conosco  |