Ariquemes Notícias - Seu portal de notícias Ariquemes, Rondônia - 20 de Novembro de 2017

Siga!

Nosso RSS

Assembléia de RO comparece em peso em Brasília para mobilização por Código Florestal

Brasília Em resposta ao apelo do deputado federal Moreira...

Claudivan Santiago, 01/03/2011 15h24 - 01/03/2011 15h24

 (Foto: Reprodução)
Foto: Reprodução
Brasília – Em resposta ao apelo do deputado federal Moreira Mendes (PPS-RO), presidente da Frente Parlamentar Agropecuária, 21 dos 24 deputados estaduais rondonienses se deslocaram a Brasília para participar da mobilização pela aprovação do novo Código Florestal. Na manhã de hoje, eles foram recebidos pelo deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP), relator da matéria, e também participaram de uma grande reunião na Comissão de Agricultura, onde puderam conversar com parlamentares de outros estados, dentre os quais Moacir Micheletto (PMDB-SC) e Luiz Carlos Heinze (PP-RS), que lideram a luta pela aprovação do novo código juntamente com o deputado Moreira Mendes.

No encontro com Rebelo, os deputados ouviram explicações detalhadas a respeito do relatório que será levado a votação. Para o relator, Rondônia é uma “dádiva para o Brasil, por sua importância como fronteira agrícola”. Rebelo destacou sua admiração para com o povo rondoniense e disse que o país tem uma opção muito clara, que é assumir a sua condição de líder mundial na produção de alimentos. “Minha impressão é de que o Brasil hoje é cerceado na sua produção, e a legislação é um instrumento disso. Minha lealdade é ao Brasil e ao povo brasileiro. Esta proposta não fere os direitos dos trabalhadores, pelo contrário, protege o direito de quem produz”, defendeu.

Em relação à proposta, o deputado Moacir Micheletto disse que uma questão que ainda gera conflitos é a anistia das multas, mas o problema deverá ser solucionado com pequenos ajustes no texto. “Os demais pontos são apenas questões de interpretação. O mais importante é o entendimento entre os ministérios da Agricultura e de Meio Ambiente, coisa que nós não tínhamos no passado”, comemorou.

Bancada unida
O deputado Moreira Mendes, por sua vez, disse que a presença maciça dos deputados estaduais na mobilização “é uma demonstração inequívoca” de que essa é uma questão que preocupa muito o estado. “A bancada de RO é 100% convergente. Por decisão dos próprios deputados, vamos visitar todos os líderes da Câmara para convencê-los da importância da aprovação do Código Florestal. É uma pressão legítima, (o que queremos) é apresentar a nossa realidade. Porque, muitas vezes, um deputado urbano – de São Paulo, por exemplo - não tem a menor idéia do que seja um estado como Rondônia, com suas peculiaridades na agricultura e na pecuária”.

Para o presidente da Asembléia, deputado Valter Araújo (PTB), o atual Código Florestal prejudica muito o estado de Rondônia. “Por ser um estado localizado no cerne da região Amazônica, com características diferenciadas do restante do país, e também por ser o único estado que tem o seu zoneamento (econômico e ecológico), com suas áreas já delimitadas, Rondônia sofre com esse código, que é ultrapassado. Com o relatório do deputado Aldo Rebelo, resolve-se 98% tanto da problemática ambiental como da regularização fundiária, porque é um código construído com consenso, ouvindo todas as camadas sociais, principalmente o setor produtivo”, sustentou.

Valter Araújo também defendeu a autonomia dos estados na questão ambiental. “Precisamos trazer para os estados a competência de legislar sobre essas matérias ambientais, que já é uma prerrogativa constitucional, mas que os estados não a exercitam por imposição da própria legislação federal”. Ainda segundo ele, a questão da preservação ambiental precisa ser tratada de acordo com as características de cada estado. “A competência da União em relação à matéria ambiental é só de forma genérica”, completou.

Urgência Já o deputado Neodi Carlos (PSDC) defendeu pressa na votação do código. Â“É uma questão que não envolve só a Amazônia, mas o Brasil como um todo. Porque, do jeito que está, o código florestal impede a produção. Nós precisamos dessa mudança urgente. Por isso a Assembléia de Rondônia está aqui para conversar com os deputados federais, para que realmente possa ser feita essa mudança o mais rápido possível, sob pena de, em breve, faltar comida para o próprio povo brasileiro. Estamos aqui defendendo o setor produtivo do nosso estado e do Brasil”.
Tópicos:
Compartilhe está noticia:     
 
 
Enviar comentário

(A quantidade máxima é de 400 caracteres para seu comentário) Restam 400 caracteres

Ao enviar seu comentário você aceita o termo de conduta dos comentários.

 

Eventos

Expoari: Guilherme e Santiago - Foto: Leandro Kazuo

Expoari: Guilherme e Santiago

Guilherme e Santiago
 

Últimas notícias

Enquete

Na sua opinião, como está a Administração de Confúcio Moura em Rondônia?

 

Ariquemes Notícias - Seu portal de notícias Ariquemes Notícias - Seu portal de notícias
E-mail: recadao@ariquemesnoticias.com.br - contato@ariquemesnoticias.com.br voltar ao topo

 

© Copyright 2009 | 2017 - DC Comunicações Digital Política de privacidade Fale conosco  |   Anuncie conosco  |